04/11/2012

Hoje tive um desgosto...



Parei à porta do Hospital Particular de Lisboa decidida a mostrar aos meus filhos o sítio onde eles nasceram, o berçário onde esperaram pela mãe enquanto eu estive no recobro, com sorte, os quartos onde ficámos e a enfermeira que cuidou de nós!
Parei o carro à porta, estranhei as luzes apagadas, mas mesmo assim, fui empurrar a porta. Nada!
Fui à porta das Urgências e nada... De repente vejo um papel afixado a informar que hospital foi fechado devido a um processo de insolvência!

O sítio que eu escolhi para dar à luz, para trazer os meus filhos ao mundo. O sítio onde vivi os meus primeiros momentos de maternidade. O sítio onde os meus filhos respiraram pela primeira vez, onde eu os cheirei pela primeira vez! Fechou... Puf! Já não existe...
Ainda estou a recuperar do desgosto de saber que já não lhes vou poder mostrar o local onde eles viram a luz pela primeira vez!

****

15 comentários:

Mum's the boss disse...

parece aquele noticiário 'no comments' :((((

São João disse...

eu também nasci nesse hospital :(

Só sedas disse...

Eu também nasci lá, a minha irmã também e fiquei tão triste quando soube... Pode parecer ridículo mas sempre tive um grande carinho àquele Hospital e agora parece que fiquei órfã!

Só sedas disse...

Sabes o que é que mais me irrita? Há cerca de um ano o Hospital introduziu os partos na água. Foi dos primeiros. Tinhas listas de espera a abarrotar. Mudaram a direcção do hospital e em apenas um ano declaram insolvência. Quem é que acredita numa coisa destas? O Hospital tinha meios para subsistir? Ou já andava com um buraco gigante ou a nove administração é uma grande bosta (além de corrupta, poderia dizer). Isto parece óbvio mas ainda não ouvi pedirem contas à antiga administração. Neste país faz-se merda (porque isto não é asneira, não é um descuido, é merda propositada) e nada acontece, ninguém se responsabiliza.

Kiki - Família de 3 e 1/2 disse...

Eu tive lá a Gigi em 2008 e amei!!!! Fui super bem tratada. Os enfermeiros e a parteira foram qualquer coisa!!! Tanto que o meu médico quis levar-me para os Lusíadas e eu disse que nem pensar! Queria o mesmo hospital e os mesmos enfermeiros. Foi uma diferença abismal!... Os enfermeiros eram metade! Já não estavam lá os mesmos. Eu fui a única a ter bebé durante o tempo que lá estive. Entrava frio pelas janelas do quarto que estavam estragadas!!!!!!!!!!! A água do banho não aquecia, só ficava morna! Um horror!!!!
Por isso não me admirei muito.... Mas fiquei triste na mesma... :(

Só sedas disse...

Toda essa diferença num intervalo de dois anos... Algo saberia o teu médico para te querer levar para outro sitio!

Princesa sem Reino disse...

Vi uma reportagem há uns tempos sobre esse hospital, há meia ano talvez, em que falavam que não tinha condições para continuar a funcionar. Mas não sabia que tinha fechado portas de vez. Percebo um bocadinho esse sentimento, mas porque de cada vez que passo à porta do sítio onde nasci, há qualquer coisa que me faz sentir bem. E sempre que levo a minha filha ao hospital onde nasceu, gosto sempre de lhe dizer que foi ali que ela veio ao mundo (apesar de ela ainda não entender).

Beijinho

bebexik disse...

Sinto as mesmas dores !!!!
um no quarto 614 e outro no quarto 612.......
e fui super bem tratada tendo em conta q passava lá temporadas até os bebes nascerem .....e mesmo depois de nascerem do 1º voltei.....
mas as enfermeiras eram as mesmas do tempo que nasceu a minha irmã !!!!!
umas queridas um tratamento fantastico
Quando soube tambem senti uma tristeza........

Ana disse...

É triste, de facto. Mas mais triste é o caso de um familiar meu que lá trabalhou mais de 30 anos e que está há meses com salários em atraso e nem sequer terá direito a indmenização...foi mandado embora aos 50 anos e para além de estar pela primeira vez desempregado na vida, neste país e neste particular momento que vivemos, é triste mas será considerado demasiado "velho" para o mercado de trabalho, mesmo com toda a experiência e sabedoria que adquiriu durante toda uma vida. Triste. Muito triste que estou com o Estado do nosso país.

andrea disse...

compreendo perfeitamente... onde escolhi ter os meus tb anda com rumores de fecho mas espero que não... no entanto onde eu nasci está mais à beira disso que nunca... ninguém pensa nisso como nós se calhar, mas aperta-me o coração.

Aline Brito Paiva disse...

Mas sabem que eu tive o meu filho em 2010 e por acaso o hospital estava com umas condições óptimas?
E ao mesmo tempo que eu tiveram mais 4 mães bebés!
Em 2 anos e pouco muita coisa mudou mesmo..
O meu nasceu no 610 :)

Paulo Costa disse...

Boa noite, de facto é uma tristeza muita grande! Para mim essa tristeza é ainda maior. Deixei 10 anos da minha vida, nessas paredes. Muita dedicação e lágrimas. Hoje dia 12/04/2013 soube que o meu querido HPL chegou ao fim. O tribunal decidiu a sua insolvência. Beijinhos para o Vicente e para a Gigi.
Muito obrigado.
Paulo Costa

Anónimo disse...

hj é fevereiro de 2104 e eu queria saber se o hospital particular de lisboa ainda esta fechado?

Gabriela Oliveira disse...

A minha filha nasceu lá em 1999
Alguém conheceu o Dr Moniz?
Alguém sabe o seu paradeiro?
Obrigado

Gabriela Oliveira disse...

A minha filha nasceu lá em 1999
Alguém conheceu o Dr Moniz?
Alguém sabe o seu paradeiro?
Obrigado