20/08/2012

Toy Story in real?



Ontem, perto do contentor do lixo, estavam dois sacos com brinquedos. É muito comum isto acontecer por aqui. As pessoas deixam brinquedos e roupas perto dos contentores. Julgo que para as pessoas tirarem. Mas parte-me o coração que as coisas não sejam antes entregues directamente numa igreja ou numa instituição. Se ninguém pegar nelas, os homens do lixo, acabam por levar as coisas.
Nem costumo reparar bem nas coisas que lá põem, mas ontem vi duas bonecas novas dentro do saco e resolvi apanhar. Depois deles irem para a cama, estive a ver os sacos.
Nenucos, Barbies, Polly Pockets, uma família de bonecas (Pai, Mãe, dois filhos e um bebé) da Imaginarium, jogos completos, um comboio de madeira lindo da Imaginarium também! Tudo novo! As Barbies nem despenteadas estavam e ainda tinham os brincos e os sapatos postos! Não entendo... Acho que a menina que tinha estes brinquedos, não brincava muito com eles! A família de bonecas e o comboio vão ficar cá em casa.
Mas agora vamos fazer uma triagem no quarto deles, juntar aos brinquedos que estavam nos sacos e entregar tudo na Paróquia. 

Acho que o facto de estar a ver o ToyStory 3 em loop há 4 dias também não ajudou! Comecei a imaginar as bonecas todas desesperadas dentro do saco a ver o camião do lixo a chegar ou a chorarem por terem sido abandonadas pela dona...
Já estou a imaginar as Bonnies a receber os brinquedos novos e estes a saltarem de alegria!

****






7 comentários:

A side of me disse...

Kiki, na minha zona também começa a ser usual. Não só brinquedos, mas outros objectos. Acho que em vez do lixo seria mesmo preferível entregar a uma paróquia como referiste.

E o Toy Story cá em casa rula! E o Madagáscar também. Tanto que a minha filha está faz anos neste domingo e pediu-me o Woody para lhe oferecer. Ele e a Bala, a Jessie e dois Buzz.

Maria de Lurdes disse...

Sem dúvida! Realmente é uma pena deitarem fora brinquedos em tão bom estado, mas esses salvaram-se!

Boa semana, beijinhos!

♥pezinhos de lã♥ disse...

Eu desde a Teia da Carlota que nunca mais consegui matar uma puta duma aranha!!!! Os filmes de animação também têm efeito sobre mim! bj

Sónia disse...

é mesmo uma pena deitarem assim tudo for, podiam entregar a alguém que precise ou que brinque. A minha sogra no outro dia encontrou um quadro de giz fantástico no lixo, trouxe-o para casa limpou-o bem limpinho e agora faz as delicias da Sofia!

Mamã Petra disse...

Por aqui como todos sabem que dou tudo aos orfanatos da cidade que são 2, vêm logo trazer-me o que não querem a casa, e tu fizeste uma boa acção do dia, ainda bem que os desenho animados têm esse poder.

Beijinhos

Trapinho disse...

Quantas de nós dizemos mil vezes: "O/A meu/minha filho/a tem TANTOS brinquedos!!!! Só liga durante o início e depois deixa-os de lado"?? Aqui fica uma dica que sempre funcionou com as minhas filhas e que agora pretendo fazer com o meu filho: pegamos em metade dos brinquedos e escondêmo-los bem longe deles, por 6 meses. Passados os 6 meses, vamos buscá-los... É ver a surpresa deles, cheios de saudades daqueles brinquedos que já não ligavam nenhuma :) Assim, de 6 em 6 meses é vê-los vibrar, sempre com os mesmos brinquedos :) Beijinhos

Anónimo disse...

No dia em que vi Toystory levei a tarde a pensar na vida desgraçada que os meus brinquedos levaram e no fim triste que lhes dei! Fico tão contente por alguém ter pensado o mesmo que eu...
Marta