25/07/2017

É por isto que eu sou educadora!

Mais do que ensinar a contar, ensinar letras, ensinar a usar os materiais, ensinar a serem autónomos, a principal função de Educadora é ensinar as crianças a serem felizes! E isto não é clichê!!! O segredo está em descobrir os dons de cada criança [e isso requer muito tempo e muita observação] e fazer a própria criança descobri-los também  ajundando-a a tirar partido deles da forma mais positiva que conseguir. 

Mais do que crianças que contam até 50, quero crianças seguras, resilientes, corajosas, destemidas, que gostem de si próprias e que gostem dos outros. Felizes!!! 

Hoje despedi-me de uma aluna. Não foi uma despedida de quem sai ao fim do dia para voltar de manhã. Despedi-me a sério! Esteve comigo 3 anos. As primeiras semanas foram passadas ao meu colo a berrar que nem uma louca. [E a por-me a mim louca também! Que eu gosto do que faço mas não sou de ferro!] Ela chorava de um lado e eu quase chorava do outro. E assim foi durante duas ou três semanas. Com ela sentada na minha cintura, debaixo do meu braço das 9:00 às 17:00. Quase levei um sling para a escola para poder ficar com as mãos livres. 

Depois parou de chorar. E começou a crescer. Tirei-lhe as fraldas e tirei-lhe a xuxa! Agora já não gosta de ficar no meu colo. Vem de repente dar-me um beijo fugido e mal dado e volta para as suas brincadeiras a rir-se. E eu gosto disso. 

Hoje veio dar-me um abraço. Daqueles que eu não gosto. Com sabor a despedida. E enquanto ela me agarrava o pescoço (enorme e crescida no meu colo) e me olhava nos olhos, eu, cobarde, desviava o olhar para não lhe mostrar o que estava a sentir... 

Consegui dizer-lhe baixinho ao ouvido com a voz fugida... 
- ADORO-TE! 

E ela agarra nos meus cabelos, empurra-os para o lado e responde-me... 
- Sabes uma coisa? Eu já sei disso há muito tempo!!! 

Três anos! E de tudo o que tentei ensinar-lhes, isto era o que eu mais queria que aprendessem. 

5 comentários:

Anónimo disse...

Setembro os meus filhos entram na creche 20m, e li isto agora e chorei, por os ter que deixar e com o coração apertado tenho medo que sejam eles a "bola da vez" que irão chorar no colo da educadora,as também são lágrimas de esperança de encontrarem uma "Kiki" na vida deles que lhes continue a ensinar o que tentamos transmitir em casa, que são muito amados e que se depender de nós serão muito felizes, o resto é isso mesmo resto. Parabéns e continue a sua vocação, e já agora boa férias
Beijinho
Madalena

Jéssica Marques disse...

Estou a rever-me em ti, estive 2 anos com um grupo que este ano vou largar, é tão bom quando vemos que fizemos a diferença na pequena vida destas crianças ��

Fatima disse...

Que recompensa tão doce...

Anónimo disse...

Olá,

A minha filha vai mudar de creche e hoje foi o ultimo dia com a educadora. Obvio que fiquei com lágrimas nos olhos a ler isto. Vocês (educadores/as) ficam sempre no coração dos pequeninos e no coração dos pais. Fazem muita diferença e são o nosso porto seguro também.

Beijo enorme,
Sofia Ferreira

Maria Isabel Henriques disse...

Isto. Mesmo. Sem tirar nem pôr. Eu. abraço de educadora para educadora.