25/03/2011

The final countdown...

Tenho o coração pequenino... Pequenino... Bem pequenino...
Por um lado estou a precisar ardentemente de me dedicar a mim! De voltar a ser eu! De voltar a ter coisas só minhas! Gerir o meu trabalho e dedicar-me a ele! Saudades das conversas de escritório, dos almoços com colegas e das fofocas. Das trocas de receitas, das conversas sobre filhos, dos clientes stressados, das reuniões em Lisboa, do portátil num ombro e da pasta no braço, ir a correr arranjar as unhas à hora do almoço e de desejar loucamente as férias.
Por outro lado, estou em casa há 9 meses... Dedicada à minha barriga, à minha família, à nossa casa, aos meus bebés... Roupa, supermercado, fraldas, aspiradores...
Há 5 meses que o meu relógio é o estômago do meu filho! Tenho tempo para o blogue e às 16h já estou a pensar o que vou fazer para o jantar. O pequeno-almoço é tomado com calma, depois do pai e da princesa saírem. Com o telejornal a acompanhar-me, o soninho do Vicente a aquecer-me e o tempo lá fora a ditar o que vou fazer hoje.
Arrumar os restos mortais do pequeno-almoço, fazer as camas, tratar da roupa, tomar banho e ir dar uma volta com ele.
Hoje é 6ª feira... Já tenho a próxima 2ª feira preenchida, 3ª vou para Londres e só volto na 5ª feira à noite. 6ª é o primeiro dia do meu príncipe na escola e depois é o meu último fim-de-semana. E pronto! Volta tudo ao normal!
Levantar a correr, preparar pequenos-almoços, tirar qualquer coisa do congelador para o jantar, arrancar as crias da cama, vestí-los, alimentá-los, ligar o zig-zag ou o panda, banho, engolir uma torrada e uma chávena de café com leite. Pegar nas mochilas, batas, almoço, chaves, computador, chupetas e rezar para que não falte nada, não façam cocó nem tenham nenhuma birra até ao carro porque já estamos a sair de casa 10 minutos depois da hora. Ir a correr para o colégio, beijos, beijos e beijos e voar até ao escritório enquanto se aproveita a deslocação para fazer uns telefonemas. Ao fim do dia é ir buscá-los, correr ao super-mercado para comprar pão e qualquer coisa que falte, chegar a casa com as crias, os sacos do super-mercado, as mochilas, as batas sujas, as chupetas que teimam em cair no chão da garagem, por o jantar a fazer (bendita Bimba), dar banho às crias, aguentar umas birras, aproveitar o (pouco) tempo com eles ao máximo, o pai chega, jantar, metê-los na cama, um bocado de TV e conversa em dia com o pai, preparar almoços e mochilas e roupas para dia seguinte, cama e pronto!
E pronto! Estou com o coração pequenino, pequenino, pequenino...
****

10 comentários:

Patrícia Teodoro disse...

É de facto uma grande mudança e uma grande ambiguidade de sentimentos. Um grande beijinho nosso.e nos por aqui estamos em contagem decrescente para sermos quase vizinhas

Tânia (Mamã do Santiago) disse...

Ui que é um misto de sentimentos

Tu e a Patricia vão ser vizinhas?que giro, oh mundo pequeno :)

Mami ( Sónia ) disse...

Vai ser uma grande mudança sem duvida. Se por um lado nos sabe bem estar em casa com os filhos, por outro lado também é tão bom voltar a trabalhar.
Vai correr bem o teu regresso de certeza!
Beijos

célia disse...

Como eu te compreendo! O meu pequeno vai começar a ir à escolinha na próxima quarta: Vai ser um início aos poucos para não estranhar, porque ainda está com o pai. No dia 4 a minha vida vai começar a ser tal e qual a tua: sempre a correr, com eles e a tralha toda deles atrás, mais o carrinho e o ovo. Vamos ter de volta as rotinas de antes, só que agora é a dobrar. Aproveita bem Londres e passeia bastante. Beijinhos

Maria João disse...

Bem, fiquei cansada só de ler!! Mas sim, vai fazer-te bem sem dúvida. Eu acho que não aguentava essa carga de stress, pois a minha vida aqui é muuuiiitttooo diferente, mas cada um adapta-se, ou tem de se adaptar às circunstancias, não é?
Bjinhos e que td corra bem!

Ana disse...

Parece que me estava a ver :) enquanto te lia.

É bem verdade que custa voltar a rotina mas por outro lado faz tão bem.

Bom recomeço.

beijinhos nossos

Carla Marialva disse...

È assim a vida de mãe, sempre com o coração nas mãos.

Coisinhas Caseiras disse...

Sei o que isso é. A minha rotina começa segunda... Tou triste.

Lina disse...

Na verdade descrito assim dessa forma nem parece que seja mau ou complicado. Parece ate muito fácil.
Aproveita bem esta ultima semana e bom regresso ao trabalho. O inicio é sempre dificil, mas faz parte e no meu caso ja fazia falta!
Depois é uma questão de hábito.
Bom fim de semana.

Diana disse...

Bolas, e ja passaram "aqueles" mesinhos desde que o Bixente nasceu!!! ;) Uff... agora vendendo o meu peixe: Quando precisares de mim, ja sabes!!! =)

beijinhos*