25/05/2012

Eu não digo???



Não há alturas ideais! A altura ideal é hoje, é agora! Porque nunca vamos saber o que acontece daqui a 5 segundos... 
Não sei se ouviram falar no Gonçalo Ferraz. Um miúdo desaparecido na Húngria depois de saltar de uma ponte. Apareceu ontem o corpo... O miúdo era amigo do meu irmão mais novo. Um puto giro! Educado, óptimo atleta de equitação. Cheio de miúdas atrás... Com uma vida do caraças! Pimbas! Resolveu saltar de uma ponte porque é muita giro e muita cool! Concerteza estaria bêbado... Isto aconteceu de madrugada depois de uma festa Erasmus. E é assim que se deita uma vida a perder... Por uma decisão estúpida! Como é que nós havemos de dar asas aos filhos? Este miúdo era um miúdo responsável e bem comportado. Provavelmente os pais confiavam nele a 100%! E mesmo assim, resolve fazer uma coisa destas!... Uma merdinha é o que é!
Ao menos o corpo apareceu e os pais e os irmãos vão poder ficar em paz... Entre a hipótese de ter desaparecido no rio ou ter sido raptado... Deve ser mais fácil para os pais aparecer um corpo, do que pensar que ele pode estar vivo num sítio qualquer, sem saber muito bem em que condições e se alguma vez vai aparecer...
Só desejo que aquela família tenha forças para superar este momento tão terrível! E que os miúdos tenham juízo! E percebam que a vida não é um filme! Não há repetições... 

****

9 comentários:

Rita disse...

É muito triste e assustador. A verdade que é que nunca sabemos o dia de amanhã :(

Tânia (Mamã do Santiago) disse...

É mesmo triste! Caramba pah!

saudosa disse...

Tens tanta razão....

saudosa disse...

Tens tanta razão....

tania disse...

e muito triste realmente,os pais ainda tinham esperanca que ele estaria vivo,mas agora sabem o que realmente aconteceu.realmente e importante dizer as pessoas que amamos isso mesmo que as amamos muito,pois nao sabemos o que podera acontecer no minuto seguinte....

Sónia disse...

É triste perder-se assim uma vida no seu auge...

Maggie disse...

é verdade o que dizes qto a dar asas aos filhos, mas temos que confiar e acreditar que fizemos a nossa parte como pais. E eu acredito que os pais deste Gonçalo fizeram o melhor por ele.

Um beijinho
Maggie

Mum's the boss disse...

Kiki,

fiquei a saber por ti do desfecho desta história. Ontem pensava em coisas que eu posso fazer para ajudar a minha filha a ser capaz de fazer boas escolhas, por ela, no futuro. E, embora tenha essa possibilidade, a verdade é que não há como controlar tudo... E esta situação é bem a ilustração disto. Que angústia, que desespero...
Sem palavras...

O Sexo e a Idade disse...

Tanto medo...