06/03/2012

Fugi!!!!!!!!

O Vicente voltou a chorar duas horas seguidas... O meu instinto de mãe diz-me que não é dentes nem gases. Da forma como ele chora e como se contorse, parece-me estômago! Na 6ª feira, a médica deu indicações para voltarmos ao hospital caso ele voltasse a chorar várias horas seguidas. Peguei na cria e lá fui eu! Com o embalo acalmou e chegou ao hospital com um olho aberto e outro fechado. Tiro a senha e espero que me chamem para a triagem. Normalmente demora 5 minutos... O painel avisa que as pulseiras azuis (a que eu esperava receber) têm um tempo estimado de espera de 3h46. Fico lixada por não ter levado o saco cama. Como o Vicente é reincidente, faço figas para receber uma pulseira amarela e assim esperar apenas 28 minutos. A sala de espera cheínha de criancinhas e bebés! Ou a Popota vai dar show, ou resolveram ficar todos doentes ao mesmo tempo! Nem lugar tenho para me sentar e mais uma vez fico lixada, mas agora por não ter deixado os saltos altos em casa. Nisto entra um tipo, 1,90m, barba rija, cheio de borbulhas na cara... Não sei qual é a idade limite para ir à pediatria. Mas se for 16 anos, o gajo faz 17 amanhã de certeza! Tosse! Tosse! Tosse! É ele numa ponta do corredor e as mães todas (eu inclusivé) a fugir para a outra ponta com as crianças. E o gajo continua a tossir, a tossir, a tossir! E cospe-se todo e continua a tossir. E eu, que passado quase 40 minutos ainda nem à triagem tinha ido, enfio uma manta por cima do carrinho a tapar o Vicente e fujo dali para fora sem respirar! Cruzes canhoto! Uma pessoa vai ali tratar uma coisa e volta com uma colecção de outras! Não fiz queixa porque fugi a 7 pés! Mas amanhã vou tratar disso! Onde é que já se viu, misturar maganos daquele tamanho e a tossir daquela forma com bebés recém-nascidos e com crianças pequeninas??? É o país que temos.... 

Será que já me chamaram para a triagem?... 

Ah! O Vicente acalmou no carro, bebeu leitinho e dorme! Mas amanhã não se escapa de uma ida ao médico! Tenho de perceber definitivamente o que se passa com ele!!!



****

11 comentários:

♥pezinhos de lã♥ disse...

:(
melhoras para o teu menino.

sabes que o Diogo com 12 anos tb me parece um gigante sempre que vou à pediatria com ele.mas por outro lado penso que mais um ano e já vai para o atendimento dos adultos! e aí ele é tão pequenino :s e nem tem direito a acompanhante! bahhhhhhhhhhh

cadernobeje disse...

Ai, o que se passa com as nossas crianças....este Inverno manhoso está difícil. Eu também cheguei a estar 5 horas com a pessoa pequena no Hospital, agora que me mudei para Lisboa, infelizmente, recorro mesmo ao privado (à conta dos avós), o tempo de espera e o excesso de doenças dessas outras crianças grandes e das pequenas também, não me dão alternativa. Boas melhoras e boa sorte para hoje.

Maria de Lurdes disse...

Tomara que a esta hora já tenham dormido umas boas horas e o Vicente esteja melhor...

A side of me disse...

Refila! Se nunca fizermos uso dos nossos direitos nunca chegamos a lado nenhum.

Agora um aparte, estás a imaginar um marmanjo desses a entrar consultório do pediatra a dentro com o boletim de saúde de bebé? É que se formos a ver bem, lá marca até à consulta dos 18 anos.

Tânia (Mamã do Santiago) disse...

É mesmo de fugir!

macaca grava por cima disse...

as melhoras do pequenino! espero que tudo se resolva rápido e pelo melhor, senão com tanto stress quem fica com problemas de estômago és tu kiki... :-(

saudosa disse...

Sim, é verdade Kiki, a regulamentação foi recentemente alterada e agora, no SNS, é-se criança até aos 18 anos!!!!

A piada é que com 16, por lei(!!!), já se pode procriar.... e ter uma arma (fumar é que não, que isso é muito pior!!!)

enfim, é o País que temos!!!

Té F. disse...

Kiki por acaso tenho uma opinião diferente das restantes mamãs se calhar porque tenho um filho que não tem culpa nenhuma mas, assim como existem os mais pequenos, ele é bastante alto para a idade e quando está doente tem de estar na sala de espera onde estão crianças de tamanho mais pequeno...se ali estão é porque é necessário senão não iriam à urgência perder tempo e fazer sala. E depois se estão à espera de ser atendidos têm todo o direito de ali estar ou será que teriam de aguardar na rua só porque são altos?
O meu só tem 14 mas realmente é altíssimo daí até ser apelidado de marmanjão é um pequeno passo.
Agora o que é nojento é ter a idade que for e não saber que tem que colocar a mão em frente da boca quando tosse mas isso já é falta de educação...nada tem a ver com a altura!

As melhoras do Vicente.
Beijinhos

Kiki disse...

Os miúdos adolescentes não têm culpa que os ponham misturados com os bebés! E também não deviam ser misturados com os velhotes cheios de catarro abandonados nas macas pelos corredores... Isso é uma visão do Inferno!
Mas que devia sem dúvida haver salas de isolamento, devia! Estavam ali imensas crianças. Metade com bronquiolites, metade com viroses de vómitos, diareias, etc.... Elas não se pegam umas às outras porque têm a mesma doença! Mas estava lá uma mãe cujo bebé tinha escarlatina e que estava indignada por ter de estar na mesma sala com o seu bebé a contaminar os outros!
E o desgraçado que lá estava ontem, não tem culpa de nada! Só não devia era estar ali! A espalhar tuberculose ou tosse convulsa ou lá o que tinha para cima dos outros. Sejam bebés ou não... Mas muito menos bebés!

Mamã cá de casa disse...

Kiki melhoras rápidas do vicente.

Beijinhos nossos

Sara disse...

no outro dia estive nas urgências pediátricas. 5h para ser atendida! miudos doentes e com febre aos molhes e eu... sentada no corredor quando já não aguentava com as costas.
mas mete mesmo raiva ver adolescentes a passar à frente de bebés a arder em febre, com pulseiras amarelas e laranja... credo, que passem já para as urgências normais! estamos a falar de bebés que não sabem lidar com doenças, enquanto que os adolescentes já se vão aguentando à bomboca.
enfim.. como dizes, é o país que temos!
(ja não comentava aqui neste cantinho há imenso tempo :p) beijinho*